quarta-feira, 24 de maio de 2017

2º Encontro e Convívio de Colecionadores em Castelo de Vide


Teatro na Casa da América Latina em Lisboa

A peça de teatro “O estranho caso do bigode irónico: Investigação sentimental sobre a vida e obra de Mario Benedetti” estreia na Casa da América Latina (Av. da Índia 110, Lisboa) a 26 de maio, pelas 21h30. A entrada é livre, mediante lotação da sala.
O espetáculo concebido por Francisco Gomes, no âmbito da Passado e Presente – Lisboa Capital Ibero-americana de Cultura 2017, é uma viagem pessoal pela personagem real e fictícia do escritor, poeta, ensaísta, jornalista e crítico uruguaio.

Este é um relato encenado de uma obra pouco conhecida em Portugal, com paragens pelo universo cómico, insólito, irónico, romântico e comovente do autor e do seu bigode. Integrante da Geração de 45, Mario Benedetti (1920-2009) escreveu 80 livros e foi traduzido em 25 idiomas, sendo considerado um dos principais autores latino-americanos. Em Portugal, só há poucos anos o começaram a traduzir

MORA: Exposição de Pintura "Atlantis"


FERREIRA DO ALENTEJO: Festival Terras sem Sombra


SAFARA (Moura): Noite Flamenca


MONTOITO (Redondo): Feira Quinhentista


Encontro Internacional sobre Ecossistemas Criativos vai acontecer em Évora a 7 e 8 de Junho

Nos dias 7 e 8 de Junho Évora recebe, no Teatro Garcia de Resende, a Conferência Internacional “Connecting Creative Ecosystems”, que pretende promover um debate alargado e participativo sobre a noção de ecossistemas criativos. O que são? Como podem ser desenvolvidos? Quais as potencialidades e condicionantes que as regiões de baixa densidade podem oferecer a estes ecossistemas? Quais as funções e natureza do “objeto cultural” na era da digitalização e globalização?
Esta conferência, promovida pela CIMAC – Comunidade Intermunicipal do Alentejo Central, conta com 25 oradores, oriundos de 12 países, como Bélgica, Holanda, Inglaterra, Marrocos, México, entre outros. A organização pretende assim fomentar a troca de experiências em contextos de ação diferentes, um dos principais objetivos a que este encontro se propõe.
«Com a realização desta conferência queremos promover o debate e a apresentação de temas que cruzem diversas disciplinas, não só das artes performativas e visuais, mas também do conhecimento, tendo sempre em conta as especificidades dos lugares de baixa densidade como a região do Alentejo, mas cuja visão final deve ser abrangente e projetada no contexto internacional», afirma Hortênsia Menino, Presidente da CIMAC.
Esta iniciativa, destina-se a eleitos do poder local, técnicos da administração pública e das CIM’s, estudantes, professores, agentes culturais, artistas, programadores culturais e agentes turísticos. Está inserida no programa “Alentejo em Cena”, uma iniciativa conjunta da CIMAC com mais doze municípios do distrito de Évora, que por sua vez se insere no projeto “Valorização, promoção e desenvolvimento do património histórico e cultural de Évora e da região envolvente”, cuja responsabilidade está a cargo da Entidade Regional de Turismo do Alentejo.
A participação no evento é gratuita mas sujeita a inscrição prévia no site http://www.cimac.pt/creativeconference/.
Sete Painéis abordam durante dois dias temas ligados à cultura, à gestão e programação cultural e às dinâmicas de trabalho em rede:
Painel 1 - Política Cultural
É indissociável a ligação entre atividade cultural e política cultural. Este painel procura trazer contributos relevantes para a discussão em torno de questões como a diversidade cultural, a identidade e a diferenciação, os processos criativos, os contextos de produção e criação num mundo globalizado e (des)materializado.
Sessão paralela 1: Programação e Gestão Cultural
Apresentação e discussão em torno de boas práticas, nacionais e internacionais, que cruzam o mundo da programação e gestão cultural e do serviço educativo em todas as dimensões do sector cultural e criativo, das artes performativas às visuais, passando também pelos media (cinema).
Sessão paralela 2: Iniciativas Municipais
Apresentação e discussão de boas práticas desenvolvidas pelos municípios portugueses em torno da promoção da cultura e criatividade local, da economia e do turismo criativo.
Painel 2 – Ecossistema Criativo
Um Ecossistema é por definição um sistema formado por um conjunto de organismos vivos e pelo meio físico em que se relacionam. Neste painel procura-se trazer à discussão modos de interação entre contextos criativos de escalas distintas mas com interesses complementares, debatendo os conceitos, as dinâmicas e as suas interligações.
Sessão paralela 3: Dinâmicas de rede
Apresentação e discussão de boas práticas internacionais de promoção do desenvolvimento cultural, das indústrias culturais e criativas e da produção artística contemporânea suportadas em lógicas de trabalho em rede.
Sessão paralela 4: Plataformas artísticas
Apresentação e discussão de boas práticas locais e internacionais de estruturas vocacionadas para o apoio e a promoção da produção artística tradicional e contemporânea.
Sessão paralela 5: Gestão Musical, Cidade e Economia Criativa
Esta sessão procura explorar o desenvolvimento da relação entre a gestão musical, a cidade e a sua repercussão na economia criativa. É realizada em colaboração com EXIB Música – Expo Ibero-americana de Música.
Sobre a Cimac:
A CIMAC - Comunidade Intermunicipal do Alentejo Central é uma entidade pública de natureza associativa e âmbito territorial que visa a realização de interesses comuns aos municípios que a integram. A ela estão associados 14 municípios: Alandroal, Arraiolos, Borba, Estremoz, Évora, Montemor-o-Novo, Mora, Mourão, Portel, Redondo, Reguengos de Monsaraz, Vendas Novas, Viana do Alentejo e Vila Viçosa.

Feira da Primavera volta ao Sardoal

A Vila do Sardoal recebe no próximo domingo, 28 de maio, a tradicional Feira da Primavera.
À semelhança dos últimos anos, a feira vai ocupar o parque de estacionamento nas traseiras da Câmara Municipal, a rua Dr. Lúcio Serras Pereira e a Av. D. João III, estando à venda, entre outros produtos, vestuário, calçado, loiças e utensílios agrícolas.
A Feira da Primavera é a mais recente na sede do Concelho, tendo sido criada por volta de 1970, pelo então Presidente do Município, Dr. Álvaro Andrade e Silva Passarinho. Em 1989 foram-lhe atribuídas características de Feira Franca, abolindo-se o pagamento dos terrados, o que permitiu melhorar a oferta e a procura.
Realizou-se durante anos no último domingo de março, na tentativa de aproveitar sinergias com a Feira de S. Matias, em Abrantes. Nos últimos anos foi transferida para o quarto domingo de maio. 

terça-feira, 23 de maio de 2017

Alto Alentejo acolhe 3ª edição de "Guitarras ao Alto"

O Guitarras ao Alto chega à terceira edição em 2017, com a mesma ambição de trazer ao Alentejo os melhores guitarristas portugueses para tocar música inédita num espectáculo original. Com o vinho, a gastronomia, a paisagem e o património alentejano em pano e fundo.
Juntos, a quatro mãos e a duas guitarras, o Peixe e o Frankie Chavez vão subir ao palco no Claustro do Convento de S. Bento de Avis (15 de Junho), no claustro do Convento das Maltezas/Centro Ciência Viva em Estremoz (16 de Junho), e na antiga estação de comboio da Beirã-Marvão, onde fica a guest house Train Spot (17 de Junho).
Reserve já o seu bilhete: www.guitarrasaoalto.pt

FRONTEIRA: Torneio de Futsal